“O Partido Socialista sente-se, como todos os partidos, a confirmar-se, envergonhado, mas não tem nenhuma razão para, em relação ao ex-ministro Manuel Pinho, não avaliar da mesma forma o que está a acontecer com ele como avaliou os casos de vários ministros e responsáveis de outros partidos políticos que, na banca ou na política tiveram comportamentos desviantes, irregulares ou mesmo até de alçada criminal”, disse Carlos César, defendendo que o PS tem tradição e responsabilidade no combate à corrupção.

Nas reuniões internas é que se discutem estes casos, justifica. “Ficamos até enraivecidos com isto”, em especial com “pessoas que se aproveitam dos partidos políticos”.


Pois é sabes, a malta até que lá nas reuniões até fala disso, ficamos muito sensibilizados, há e tal, até sentimos vergonhosa, há e tal, está em causa o caso da EDP e os alegados benefícios de milhões concedidos, há e tal, etc. etc...
Pois. De facto, Já Me Tinhas Tell.

Share To:
Next
This is the most recent post.
Previous
Mensagem antiga

Post A Comment:

0 comments so far,add yours